Aspirantes aos cargos de Juiz Leigo e Conciliador integram Semana da Conciliação pela Meta 2

“Queremos convidá-los para, voluntariamente, nos auxiliarem na nossa Semana da Conciliação”. As palavras do Vice-Presidente do Tribunal de Justiça do Acre, Desembargador Adair Longuini, foram dirigidas aos candidatos aprovados para a última etapa do Processo Seletivo para Juiz Leigo e Conciliador.

“A idéia é contar com a colaboração espontânea dos aspirantes aos cargos do processo seletivo como conciliadores durante o evento”, disse o Desembargador. Adair Longuini esclareceu, também, que a participação dos candidatos não terá nenhuma implicação no resultado do concurso, que ainda terá a etapa de “entrevista psicológica” para ser concluído.

O convite foi feito oficialmente durante reunião no Plenário do Palácio da Justiça, que também teve as presenças do Desembargador Samoel Evangelista, Corregedor Geral da Justiça, da Juíza de Direito Regina Longuini e do Diretor de Planejamento do TJAC João Traumaturgo Neto.

Para participar da Semana da Conciliação no Acre, que será realizada de 14 a 18 de setembro e abrangerá as 4 Varas Cíveis e a Vara de Órfãos e Sucessões de Rio Branco, os candidatos só precisaram fornecer seus nomes ao final da reunião, totalizando 34 adesões ao evento.

Os candidatos inscritos participam da Atividade de Multiplicação, com o tema Mediação e Técnicas Autocompositivas, com o objetivo promover a cultura da conciliação para pacificação social. Samoel Evangelista ressaltou a importância da contribuição da Escola Superior da Magistratura (ESMAC). “Agradecemos a ESMAC, em nome de sua Diretora, a Desembargadora Eva Evangelista, de ter tido a sensibilidade de destinar 70 vagas para os candidatos aprovados, até o momento, no processo seletivo para juízes leigo e conciliador. Essa capacitação é fundamental para proporcionar maior conhecimento e experiência sobre a conciliação”, destacou.

Durante o curso, que acontece a partir das 8h30 desta sexta-feira (28), no Plenário do Palácio da Justiça, serão abordados temas voltados para o desenvolvimento de habilidades autocompositivas para uso em audiências, além de técnicas de mediação e de conciliação. O conteúdo apresenta estudos relacionados à teoria do conflito, da negociação, mediação, comunicação conciliatória e habilidades interpessoais, aplicando metodologia vivencial e pragmática.

Magistrados aposentados integram força-tarefa 

A Semana da Conciliação contará com a participação especial dos magistrados aposentados Ciro Facundo (Desembargador), Rivaldo Guimarães e Wellington Carvalho (juízes de Direito), que se dispuseram para integrar o equipe responsável pelo evento. A experiência dos magistrados terá papel fundamental para o sucesso da atividade, que visa, sobretudo, o cumprimento da Meta 2. Eles irão atuar como conciliadores, além de orientar e conduzir os iniciantes na solução dos conflitos entre as partes. “Sempre estarei na ativa quando se tratar de ajudar o Tribunal, principalmente com ações que facilitem o acesso do jurisdicionado à Justiça”, disse o juiz aposentado Rivaldo Guimarães.

 

De acordo com o cronograma estabelecido, haverá outra reunião do Grupo de Trabalho que irá organizar a Semana da Conciliação, na próxima segunda-feira (31) para elaborar outras propostas, estabelecer metas, repassar informações e determinar padrões de procedimentos aos magistrados e servidores.

  

Para mais informações sobre a campanha pela Meta 2 no Judiciário acreano, acesse o link especial sobre o tema disponível na página inicial do portal www.tjac.jus.br.

 

 

 

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 28/08/2009