Arquilau destaca importância do atendimento ao cidadão

Entusiasta da unificação da Central de Mandados, o Corregedor-Geral da Justiça, desembargador Arquilau Melo reconheceu que no início, teve um certo receio na aprovação do novo sistema, mas mostrou-se favorável a partir dos argumentos do juiz Adair Longuini que lhe disse em uma das reuniões: “se não der certo, retomamos à forma anterior”. Para Arquilau Melo, a decisão do juiz em fazer a mudança, sem recuar na perspectiva de alterá-la é uma forma avançada de gestão e uma demonstração de que o judiciário acreano funciona cada vez melhor e caminha no sentido de prestar um atendimento mais eficiente ao cidadão. “Nós precisamos prestar um serviço cada vez melhor à sociedade, de quem somos servidores e isso vale também para os nossos oficiais de Justiça, que são o braço do juiz fora das nossas varas”, disse o desembargador que defendeu a aquisição de uniforme – camisa e gravata – para os oficiais, como na época de sua gestão como presidente da corte, proposta imediatamente aprovada pelo desembargador Samoel Evangelista, atual presidente que determinou ao diretor geral, Thaumaturgo Neto, a compra do primeiro uniforme para que os oficiais já comecem a trabalhar com ele nas próximas semanas.

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 15/05/2006