Administração do TJAC contribui para Regularização Fundiária no Estado

Ações conjuntas concorrem para o cumprimento da responsabilidade social e à promoção do desenvolvimento humano e da cidadania.

Um esforço contínuo da Administração do Tribunal de Justiça do Acre está contribuindo decisivamente para a Regularização Fundiária no Estado. A Corregedoria Geral da Justiça (Coger) promoveu a implantação de ações conjuntas relativas aos assentamentos urbanos, por meio de parcerias com os cartórios de imóveis. A Presidência do TJAC apoia esse trabalho de conscientização junto às serventias extrajudiciais, visto que os beneficiados serão os cidadãos.

cartorio-estacionamento-tjac-fev16-4

O 1º Ofício do Registro de Imóveis de Rio Branco realizou 21.277 mil atos integralmente/parcialmente isentos, entre registros averbações e emissões de certidões, de um total dos 41.262 atos.

Já o 2º Ofício do Registro de Imóveis de Rio Branco, por sua vez, alcançou 8.125 mil atos integralmente/parcialmente isentos, de um total de 33.408 mil.

Os dados apontados ratificam o compromisso do Tribunal de Justiça Acreano, bem como a importância da contribuição das Serventias Extrajudiciais, na concretização das políticas públicas habitacionais no Estado do Acre.

Em outras palavras, a colaboração de todos os agentes responsáveis, desenvolvendo ações conjuntas, concorre para o cumprimento da responsabilidade social (uma das diretrizes da atual gestão do TJAC); e à promoção do desenvolvimento humano e da cidadania.

Um bom exemplo

Como forma de assegurar maior acesso dos cidadãos, dando-lhes maior conforto e comodidade, o 1º Ofício de Registro de Imóveis de Rio Branco ampliou o espaço do estacionamento.

Localizado na Avenida Ceará, nº. 2.563 (bairro Abrahão Alab), a unidade cartorária passou a contar com dez vagas de estacionamento próprias.

cartorio-estacionamento-tjac-fev16-3  cartorio-estacionamento-tjac-fev16-1

A corregedora geral da Justiça, desembargadora Regina Ferrari, foi até o local nessa quinta-feira (4) para conhecer de perto a novidade. É que as mudanças no espaço aconteceram após as inspeções correcionais realizadas na serventia, ocasião em que a Coger expôs a necessidade de adaptação e do investimento – o que foi atendido pela delegatária Fabiana Faro.

cartorio-estacionamento-tjac-fev16-2

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Ex. DIINS - Diretoria de Informação institucional Publicado em 05/02/2016