700 casais oficializam união na edição especial de fim de ano do Casamento Coletivo

Mais uma edição do Casamento Coletivo do Projeto Cidadão aconteceu no dia 23 de dezembro, antevéspera das comemorações de Natal. Dessa vez, 1400 noivos, seus familiares e convidados reuniram-se na praça do Palácio Rio Branco para acompanhar a tradicional cerimônia civil de Casamento Coletivo, umas das ações de maior alcance social do Poder Judiciário do Acre.

Ao saudar os noivos, o Presidente do Tribunal de Justiça, Desembargador Adair Longuini, reconheceu que é sempre uma surpresa para o TJAC contar com tantos participantes nas edições do Casamento Coletivo.

“Quando abrimos as inscrições e observamos a intensa procura por este serviço, ficamos surpresos porque a cada etapa os números crescem. Isso tanto envaidece o Poder Judiciário como exige de nós o aprimoramento no atendimento dos senhores”, declarou o Presidente.

Longuini também ressaltou a importância social do Projeto Cidadão: “Esta é uma iniciativa já consolidada, com inúmeros desdobramentos. A cada edição o projeto comprova seu alcance social, um projeto que deu certo e se fortalece a cada dia”.

A atividade contou com o apoio do Governo do Estado e do Acre Solidário, representados na cerimônia pela primeira-dama Marlúcia Cândida. Em sua mensagem aos noivos, a primeira-dama os parabenizou pela iniciativa, ressaltando que “quando os casais buscam a oficialização de uma união, caminha mais ainda para o rumo da felicidade”.

Coube ao Acre Solidário buscar doações de brindes para sortear aos recém-casados e ainda a organização das apresentações artísticas que animaram a festa em frente ao Palácio Rio Branco.

O Coordenador do Projeto Cidadão, Arquilau Melo, fez questão de lembrar o trabalho dos servidores que tornam o Projeto Cidadão uma realidade. “Os servidores do Judiciário, especialmente os que atuam diretamente no Projeto Cidadão são servidores dedicados na missão de servir ao público. São eles, por exemplo, que cuidam da inscrição, da certidão de casamento dos senhores e ainda preparam essa linda festa”, registrou Arquilau Melo.

A celebração do casamento foi realizada pelo Juiz Marcelo Badaró, que em seu discurso destacou a importância do casamento como passo importante na estruturação de uma nova unidade familiar, assim como a importância jurídica da decisão pela formalização da união civil entre os casais, que amplia os deveres e protege os direitos da família.

Além da Direção do Tribunal de Justiça, representada pelos desembargadores Adair Longuini (Presidente) e Arquilau Melo (Corregedor Geral da Justiça e Coordenador do Projeto Cidadão), do Governo do Estado e do Acre Solidário, representados pela primeira-dama Marlúcia Cândida, essa edição do Casamento Coletivo foi prestigiada pelo senador Sérgio Petecão e deputada federal Perpétua Almeida.

Em virtude da privatização dos cartórios do Estado, essa edição do Casamento Coletivo na Capital contou com o apoio do 1º e 2º Cartórios de Registro Civil de Rio Branco. O Sindicato dos Fotógrafos do Acre (SINFESTAC) também apoiou a realização do evento.

 

Leia mais:

 

 

Postado em: Notícias | Tags: Sem tags

Fonte: Publicado em 26/12/2011